Disciplina - História

O Grande Ditador - Discurso pela paz

The Great Dictator. Comédia, EUA, 1940, 124 min., PB. Direção: Charles Chaplin.

Chaplin faz, dessa vez, dois personagens: o judeu e o ditador, quase idênticos. O judeu é um ex-combatente da primeira guerra. Enquanto ele estava internado, muitos acontecimentos mudaram os rumos do mundo: o partido de Adenoide Hynkel toma o poder e faz discursos inflamados, assustando a multidão.Nas ruas, os soldados invadem as casas dos judeus, agredindo-os, saqueando lojas e exaltando a raça ariana, raça superior.

Neste trecho, o barbeiro, por sua vez, é confundido com o ditador, e caminha para fazer o seu discurso. Assim, em vez de ouvirem o discurso inflamado do antigo ditador, o que ouvem é uma exaltação à paz. Esse discurso representa um momento decisivo para o cinema de Chaplin, pois foi a primeira vez que seu personagem Carlitos falou. Chaplin foi acusado de ser comunista e perseguido pelo senador McCarthy, deixando de viver nos EUA.

Idioma/Legenda: Inglês/Português

Palavras-chave: Guerra. Intolerância. Comunismo. Capitalismo. Nazismo.

Duração: 07min42s

  • 8800
  • 944
Fechar

Campos com (*) são obrigatórios.

fechar

Copie o código abaixo e insira em sua página:


Ou compartilhe através dos sites:

Fechar

Mais Informações